Astigmatismo infantil diagnostico e tratamentos

Astigmatismo infantil diagnostico e tratamentos

O astigmatismo infantil é cada vez mais uma realidade na idade pré-escolar!

O astigmatismo é uma condição ocular, na qual a curvatura desigual de uma ou mais superfícies refrativas do olho impede a formação de uma imagem nítida na retina.

Um erro de refração significa que o formato do olho não foca a luz corretamente, levando por isso à visão embaciada.

Para as crianças verem os objetos com clareza, a luz deve ser refratada, pela córnea e cristalino corretamente, antes de atingir a retina.

As crianças com astigmatismo têm séries dificuldades em ver detalhes mais refinados de objetos, próximos ou distantes.

Nas consultas oftalmológicas, a causa desta condição é uma das mais questionada pelos pais.

Como clínica oftalmológica sediada no Porto procuramos diariamente fornecer a melhor orientação aos pais, para além de alertarmos para a importância de um diagnostico precoce.

Vamos começar?

 

Astigmatismo infantil: o que causa?

O astigmatismo ocorre quando a superfície anterior do olho (a córnea) é irregular, sendo uma parte mais plana (ou mais íngreme) do que a outra.

Quando os raios de luz entram no olho, não conseguem focar corretamente na retina, resultando assim numa imagem desfocada.

O astigmatismo também pode ser causado por uma lente de formato irregular, desta vez localizada atrás da córnea que é o cristalino!

Na maioria dos casos, o astigmatismo começa no nascimento, mas também pode surgir mais tarde na infância ou, até mesmo na idade adulta.

Acredito que pretenda esclarecer o seu filho sobre o dia da consulta para, de certa forma o preparar e enraizar o hábito de ir ao oftalmologista regularmente.

 

Astigmatismo infantil: quais são os sintomas? 

As crianças começam por apresentar sintomas como fadiga ocular, dores de cabeça e cansaço geral, como resultado da visão turva.

Em contexto familiar é provável que o seu filho sinta mais dificuldade a ler as legendas da televisão e, lacrimeje com mais frequência após o uso de aparelhos digitais.

No contexto escolar, as dificuldades de aprendizagem e o fraco rendimento começam a ter lugar! Muitas crianças não conseguem ler ou copiar as informações escritas do quadro.

O primeiro instinto dos pais é muitas vezes falar com o professor para a criança ocupar um dos lugares mais próximos do quadro, sem antes ser examinada por um especialista.

Como as tecnologias passaram a preencher a nossa vida e, as nossas crianças são cada vez mais astutas para as dominarem, é vital que os pais as vigiem e estabeleçam um horário para um uso equilibrado dos aparelhos eletrónicos.

Muitos pais não sabem qual é a melhor altura para levarem os filhos à primeira consulta de oftalmologia.

Os primeiros exames oftalmológicos devem ocorrer idealmente antes do seu filho completar os 3 anos e, antes de iniciar a sua vida escolar, com 5 ou 6 anos.

Depois destes exames, deverá ser acompanhado e realizar exames de 2 em 2 anos.

 

Astigmatismo infantil: quais são os tratamentos?

O exame oftalmológico é fundamental para determinar a gravidade do astigmatismo do seu filho e, se é realmente necessário realizar algum tipo de tratamento para o corrigir!

No dia da consulta de rotina, os nossos médicos oftalmologista avaliam a acuidade visual e, examinam globalmente os olhos para se aperceberem qual o tipo de tratamento mais adequado.

 

Óculos de correção

Os óculos são dispositivos de correção que usam lentes numa armação e produzem resultados eficazes na correção do astigmatismo em crianças.

O uso destas lentes ajudara orientar os raios de luz recebidos para compensar o erro causado pela refração em causa, para que desta forma as imagens passem a ser recebidas corretamente na retina.

 

Lentes de contacto

As lentes de contacto podem ser usadas para corrigir o astigmatismo, sendo as lentes de contacto tóricas hidrófilas a opção mais comum.

Estas lentes são feitas na sua maioria à base de hidrogel e, permitem que o oxigénio se transmita facilmente através da lente.

O alto teor de água nas lentes hidrófilas evapora-se facilmente; idealmente estas lentes devem ser usadas um dia e, depois descartadas.

A nossa experiência comprova que as lentes de contacto só deverão ser usadas com segurança para corrigir o astigmatismo em crianças com idade superior a 12 anos. A vigilância dos pais não deixa de ser muito importante neste contexto.

Nesta idade, a criança já tem outra consciência sobre a importância da correta higienização para evitar o risco de infeções oculares.

 

Cirurgia refrativa

Existe uma série de fatores para o seu filho poder ser submetido à cirurgia Lasik, confira!

  • Ter mais de 20 anos;
  • Possuir uma graduação estável nos anos que precedem a cirurgia;
  • Não apresentar lesões ou doenças oculares;
  • Apresentar astigmatismo até 4 dioptrias.

A grande maioria dos casos passadas 24 horas consegue regressar à atividade normal, sendo que a visão pode demorar em média cerca de 1 a 4 semanas a estabilizar.

A grande maioria consegue atingir o objetivo final, mas, em algumas exceções (2 a 4%) pode ser necessária uma reoperação (retoque) para se obter a correção desejada.

A Clinsborges é um centro especializado em doenças oculares muito reconhecido pela alta taxa de sucesso na correção de erros de refração.

Se já estiver à procura de uma solução para combater o astigmatismo, podemos ajudá-lo no Porto!

Se estiver interessado, marque já a sua consulta de oftalmologia através dos contactos disponibilizados.